O conceito de home theater já é uma realidade um pouco antiga no Brasil. Hoje, graças aos avanços tecnológicos da indústria do entretenimento, já é possível ter em casa um verdadeiro "cinema particular", utilizando, por exemplo, televisores ou projetores de alta definição aliados a um sistema de áudio potente e cristalino.

Junte isso à disponibilização de conteúdo multimídia na internet e você terá uma verdadeira central de entretenimento em casa. O único problema nessa história toda pode ser a confusão de cabos para interconectar os aparelhos e não adianta ter uma televisão de última geração e um DVD Player poderoso se o cabo que conecta os dois aparelhos for de baixa qualidade.

Para ter a máxima qualidade de imagem oferecida pelo televisor, é importante escolher o cabo ideal. Pensando nisso criamos uma série de dicas e explicações sobre as vantagens de cada tipo de entrada e saída de áudio e vídeo.

Vídeo Componente

Imagens melhores, com cores separadas. Você precisa de um cabo especial e de uma TV compatível!

As ligações feitas por esse tipo de conector dividem os atributos de vídeo em dois ou mais componentes, o que é uma maneira eficaz de manter a clareza e integridade do vídeo evitando que pequenas degradações no sinal interfiram na qualidade final.

Grande parte dos televisores analógicos produzidos atualmente e praticamente todos os digitais (LCD, DLP ou Plasma) possuem entrada para cabos do tipo vídeo componente. Além disso, a conexão de vídeo componente também é capaz de transmitir os  de alta resolução até 1080p, muito embora alguns televisores, por razões de mercado, não aceitam a reprodução de sinais em 1080p por esse tipo de conexão.

Utilizado para obter uma melhor qualidade de imagem de DVDs Players, o Vídeo Componente exige cabos a parte para lidar com o áudio da televisão e por isso é o mais indicado para aparelhos analógicos.

Bluetooth

Ele se comunica com equipamentos e acessórios pelo ar. Lembre-se: tanto o DVD quanto o acessório precisam ter chips bluetooth.

O Bluetooth é um substituto para o cabo em uma variedade de aplicações e fornece uma maneira de conectar e trocar informações entre dispositivos como telefones celulares, notebooks, computadores, impressoras, câmeras digitais e consoles de videogames digitais através de uma freqüência de rádio de curto alcance globalmente não licenciada e segura.

Mais comumente utilizados em celulares e computadores, principalmente os da marca Apple, a tecnologia Bluetooth também vem sendo amplamente utilizada em consoles de vídeo games como o Wii e PlayStation III.

HDMI

Em um único cabo, áudio e vídeo em qualidade de cinema. Solução para quem monta um home-theater. Vale a lembrança: normalmente o cabo não bem incluído nos equipamentos.

HDMI significa High-Definition Multimedia Interface e é um conector totalmente digital de áudio e vídeo capaz de transmitir dados não comprimidos, representando por isso uma alternativa melhorada aos padrões analógicos

Suportando através de um único cabo qualquer formato de vídeo TV ou PC, o HDMI já está presente em vários aparelhos que trabalham com imagens de alta qualidade e é bastante comum nos atuais sistemas de home theater.

Por ter tamanho bastante reduzido e encaixe fácil, semelhante aos conectores USB, além de estar presente em numerosos dispositivos, esse tipo de conector é indicado para quem quer economizar na quantidade de cabos.

Agora que você conhece os tipos de conectores disponíveis no mercado, basta escolher o seu e desfrutar das vantagens que ele proporciona.

USB

Muito utilizado para acoplar pendrives com músicas, fotos e filmes no formato DVIx. Transforma seu DVD em uma central multimídia.

Presente em alguns aparelhos mais novos, a entrada USB funciona como porta de entrada para pendrives recheados de conteúdo multimídia que podem ser exibidos na TV. É ideal para exibir fotos, ouvir músicas e vídeos domésticos.

Localizados normalmente no painel frontal do DVD Player, são de fácil operação: basta inserir o pendrive e acessar o conteúdo através do controle remoto.

Wireless

Equipamentos mais modernos se comunicam com caixas de som do home-theater se a necessidade dos fios. Importante: normalmente é preciso comprar acessórios para fazer esta comunicação.

Importante diferencial para quem pretende montar um home theater ou utilizar fones de ouvido. Através deste tipo de saída, é possível conectar acessórios sem a utilização de cabos. Este tipo de interface é muito interessante para salas menores, onde a passagem de fios (que podem chegar a mais de uma dezena no caso dos home theaters mais completos) é um pouco mais complicada.

Comparador de produtos

(0)