Quem acha que fogão é tudo a mesma coisa pode ter uma surpresa ao se deparar com a diversidade de modelos existentes hoje no mercado. Com os mais variados tamanhos, funções, acabamentos, recursos e preços, a oferta desses produtos atualmente pode assustar um cliente mais desprevenido.

Pensando nisso, fizemos uma lista de dicas muito úteis na hora de escolher o melhor fogão para as suas necessidades.

A primeira coisa que se deve ter em mente é o espaço que você tem disponível na sua cozinha, para então decidir qual o tipo de fogão comprar. Vale pensar também em qual seria o seu perfil. Mora sozinho, é só um casal, comanda uma família inteira?

A escolha tradicional: Fogão de Piso

Esse modelo é o mais conhecido e tem a vantagem de poder ser colocado em qualquer lugar sem precisar de instalação já que seu funcionamento é a gás. Pode ter um forno ou dois (nos modelos mais modernos) e opção de quatro ou seis bocas.

Opte por modelos maiores, com cinco ou seis bocas, se a rotina for agitada, com várias refeições por dia. Casais e solteiros podem optar por modelos menores e mais simples, como os de quatro bocas e forno simples.

Fogão de Embutir fica integrado a sua cozinha

Ideal para quem não conta com muito espaço por poderem ser embutidos em pias ou armários, assim como os convencionais, esse modelo tem forno (um ou dois) e quatro ou seis bocas. É importante observar a ventilação tangencial de resfriamento, para impedir o aquecimento das paredes e móveis com os quais o fogão tenha contato.

Um dado importante: fogões de embutir requerem projetos específicos que envolvem, inclusive, retrabalhar o espaço em sua cozinha. Uma das primeiras questões é saber se você pode realizar obras neste espaço.

Os cooktops são cheios de estilo

Os modelos de mesa, também conhecidos como cooktop ou dominó, têm apenas as bocas superiores numa base que pode ser instalada em pias, móveis ou mesas.

Avalie se um cooktop se adéqua a seu perfil antes de comprá-lo. A maioria dos modelos tem poucas bocas, o que pode não ser adequado em caso de famílias grandes. Vale o lembrete: eles não têm fornos, por isso, você terá que ter espaço extra para um forno independente.

Assim como os fogões de embutir, um cooktop tem uma instalação diferenciada, com direito a pequenas obras em alguns casos.

Como escolher o forno?

Quando o assunto é o forno em si, o que se deve ter em conta é que existe hoje no mercado a opção de um ou dois fornos e nesse caso a escolha não vai depender somente do espaço disponível como também da utilização que você pretende dar ao forno.

Os duplos permitem assar duas receitas diferentes ao mesmo tempo, o que gera praticidade e economia de tempo com fornos totalmente independentes, e, por isso, mais indicados para famílias grandes e pessoas que gostam de cozinhar.

De olho nos acabamentos e limpeza

Outro fator importante a se pensar é o acabamento dos fogões e fornos. Atualmente os fornos auto-limpantes são comuns no mercado, mas é sempre bom dar preferência a materiais fáceis de limpar e de se manter limpos, sendo assim, os de aço inox e os de esmalte de baixa porosidade são os mais indicados por facilitarem a limpeza e a manutenção.

A dica é: quando mais agitada a sua rotina, maior deve ser o foco na simplicidade de manutenção.

Como equilibrar tamanho e capacidade?

Hoje em dia o tamanho do forno não está, necessariamente, vinculado a sua capacidade. É possível encontrar fornos pequenos com capacidade igual ou ainda maior do que os fornos grandes.

Por isso, a escolha do tamanho vai depender mesmo do espaço disponível na cozinha e da quantidade de pessoas na casa; uma família grande vai necessitar um forno maior, ao passo que uma pessoa que vive só não precisa de um forno muito grande.

É claro que você pode pensar em questões como design e atualidade do projeto. Elas também são importantes.

A melhor compra está no produto que melhor atender a maioria de seus desejos. Pense nisso.

Comparador de produtos

(0)